6 de setembro de 2018

|

por: ludens

|

Categorias: Novidades de Tratamento

Você já ouviu falar de reflexos primitivos?

 

Segundo a fisioterapeuta da Ludens, Ana Izabel Izidório, reflexos primitivos são respostas automáticas presentes no bebê recém-nascido frente a estímulos sensoriais como o som, o toque, o movimento da cabeça, entre outros. “Eles se desenvolvem no tronco cerebral ainda na vida intrauterina e permitem que o bebê interaja com o ambiente. O conjunto de reflexos primitivos involuntários ajuda o bebê a posicionar-se no útero, o auxilia na hora do nascimento, na sucção e a se movimentar nos primeiros meses”, afirma a profissional.

 

O desenvolvimento muscular e de funções superiores do cérebro permite que esses reflexos sejam integrados e os movimentos tornem-se voluntários no primeiro ano de vida. Mas o que acontece se os reflexos permanecerem após os 12 meses de vida? “Chamados de reflexos primitivos retidos, eles interferem na organização neurológica do cérebro e podem causar problemas que se manifestam como padrões de movimentos involuntários em resposta a diferentes estímulos”, explica Ana Izabel.

 

Já existem testes específicos para diagnosticá-los e técnicas de tratamento para ajudar a integrá-los no cérebro da criança. Com exercícios específicos para cada tipo de reflexo primitivo retido, eles são integrados e a criança torna-se mais funcional, pois consegue ter melhor alinhamento, principalmente no que se refere ao melhor posicionamento das mãos na linha média, além de se organizar mediante os movimentos da cabeça. Desta forma, atividades como rolar na cama, levantar-se e caminhar tornam-se possíveis e com maior qualidade.

 

Exercício para Integração do Reflexo Tônico Cervical Simétrico (RTCS), associado ao uso de veste proprioceptiva.

 

Algumas razões que levam a criança a reter reflexos primitivos:

 

  • Nascimento prolongado ou prematuro
  • Baixo peso no nascimento
  • Doença grave, trauma ou lesão na infância
  • Nascimento traumático, aspiração, fórceps, cesariana de emergência
  • Redução da capacidade de explorar o ambiente nos primeiros meses
  • Tempo excessivo em carrinho de passeio ou cadeirinha que restringem o desenvolvimento de padrões de movimentos e vias motores, bem como da força muscular.

 

Entre outros problemas, os reflexos primitivos retidos podem contribuir para:

 

  • Hiperatividade
  • Transtornos sensoriais
  • Déficit de atenção
  • Distúrbios da fala
  • Dislexia, discalculia, disgrafia
  • Transtornos sociais
  • TDAH

 

Se a criança apresentar algumas dessas características, o ideal é procurar um especialista. Por meio de avaliações e exercícios diários na fisioterapia neurofuncional, nota-se um resultado muito significativo, o que contribuirá expressivamente para a melhoria das funções da criança.